quinta-feira, dezembro 31, 2009

Resoluções de ano-novo + os melhores e piores de 2009



2009 foi um dos melhores anos que já tive, talvez o melhor de todos. Sinceramente não queria que ele acabasse, mas já que está acabando, o melhor que eu posso fazer é esperar que 2010 seja um ano ainda melhor.

Ano passado eu fiz uma listinha do que queria conquistar em 2009, foi uma lista simples, mas que me trouxe experiências incríveis. Não podia, portanto, deixar de fazer uma em 2010. E como agora tenho esse blog, é melhor ainda poder dividir essa lista com todos os meus amigos leitores e blogueiros. Vocês podem, inclusive, puxar a minha orelha caso percebam que não estou seguindo as minhas diretrizes para um ano melhor em 2010 =D

Bom, aí vai:

1) Sair da casa dos meus pais e morar sozinha.
Esse é o mais difícil, mas também o mais importante.

2) Aprender alguma coisa que eu acredite que não tenho mais idade para aprender.
Desenhar, patinar no gelo, fazer estrelinha...

3) Escrever pelo menos dois posts por semana n'O Gato Risonho.
É difícil, mas não impossível. Xô preguiça!

4) Praticar Yoga pelo menos duas vezes por semana, sendo uma delas na academia.
Afinal, eu estou pagando mensalmente pra quê?

5) Andar de bicicleta todo domingo de manhã.
A melhor parte é que já tenho companhia :)

6) Abrir a minha empresa.
Tá na hora de deixar as coisas mais profissionais!

7) Publicar o meu novo portfolio.
Tá tudo pronto. Olha a preguiça aí de novo...

8) Comer melhor.
Eu sou uma vergonha de vegetariana. Do tipo que só come batata, sabe?

9) Voltar a estudar.
Não precisa ser na faculdade, mas me manter estudando o ano todo é a meta.

10) Não deixar que a falta de tempo me impeça de fazer as coisas de que eu gosto.


Para fechar esse ano ainda melhor, a Bia do Livros de Bia me convidou para participar de uma brincadeira ótima. Adorei!

É assim: deve-se escolher os melhores (e piores) que passaram aqui pelo blog em 2009! Só que como eu fiz poucas postagens esse ano e li muito mais do que escrevi aqui, vou ter que dar uma modificada e falar dos melhores e piores que EU li durante o ano. Espero que ela não fique brava por essa pequenina mudança ;)

Melhor livro de suspense:
Não acho que li um ótimo livro de suspense esse ano... Fica pro próximo.

Melhor livro de romance: Crepúsculo, Stephenie Meyer.
Minhas desculpas para quem não gosta, mas o amor entre o Edward e a Bella é tão forte que eu suspiro só de lembrar!

Melhor capa de livro: Retalhos, Craig Thompson.
Linda capa e linda história!

Pior capa do ano: Os robôs do amanhecer, Isaac Asimov.
Tudo bem, o livro é antigo, mas que capa é essa? Não faz nenhum sentido com a história. Robôs gigantes que arrancam árvores de copa redonda e lisa pelas raízes??? Eles devem ter se enganado na gráfica!

Autor surpresa do ano: Isaac Asimov.
Sei que não é surpresa pra mais ninguém, mas eu nunca tinha lido e poderia jurar que não gostaria tanto assim de um livro que se passa em um planeta distante cheio de robôs. No fim, amei. Vou procurar mais livros do autor!

Melhor livro de um autor nacional: A Casa, André Vianco.
É de fazer a cabeça explodir!

Melhor livro clássico: O Hobbit, J. R. R. Tolkien.
Acho que não preciso dizer nada, né? Lado nerd gritando de felicidade durante todo o livro. Hehe...

Livro decepção: Maya Fox – A predestinada, Silvia Brena e Iginio Strafii.
A capa é tão linda que eu nem imaginei que não conseguiria passar das primeiras páginas...

Melhor personagem feminina: Princesa Alera de Legacy, Cayla Kluver.
Porquê amo mulheres fortes e que sabem se divertir, mesmo que, as vezes, a diversão dure pouco...

Melhor personagem masculina: Ian de A Hospedeira, Stephenie Meyer.
Sei que ele tenta matá-la no começo, mas é o final que conta!!!

Melhor da Nora Roberts:
Não li nenhum dela esse ano. Espero ler muitos no ano que vêm :)

Sei que estou esquecendo de vários outros livros que li, mas é isso que dá não postar as sinopses logo depois de terminar...

Então, meninos e meninas, esse é o último post do ano. Mas, como pretendo seguir minha listinha de 2010, nos veremos em breve! Uma ótima virada de ano para todos vocês!!!

quarta-feira, dezembro 30, 2009

Selinhos de fim de ano!!!

Fiquei um bocado de tempo longe do blog, a falta de tempo parece que duplica no final do ano, não é? Mas durante esses últimos dias, ganhei alguns lindos presentinhos de meus amigos blogueiros. Adoro receber comentários e selinhos! É a melhor forma de incentivo para continuar com o blog. Espero que quem estou indicando para receber os lindos selinhos se sintam tão estimados quanto eu, esta é a minha intenção ao indicá-los.
O primeiro e o segundo selinhos foram me dados pelo Leo do UpiDupi. Obrigada Leo, adorei os selinhos e adoro o seu blog também.
Selinho Nº 1



A ideia deste selinho é elencar três livros que me marcaram e depois presentear cinco blogs amigos para fazer o mesmo.
Bom, vamos lá:

O cachorrinho Samba, Maria Jose Dupre.
Esse foi o primeiro livro que li inteiramente sozinha. Nos meus oito aninhos, esse livro me marcou a ponto de me transformar na leitora compulsiva que sou hoje. Nunca mais o reli, porém ele ainda está guardadinho na minha estante, me lembrando de como tudo começou.

Comer, rezar, amar, Elizabeth Gilbert.
Nunca fui muito fã de livros de auto-ajuda, mas de alguma forma, me interessei muito por esse livro quando o vi na livraria. Sozinho, esse livro não fez nada, mas posso, sem exagero, traçar uma linha na minha vida antes e depois dele. Me deu coragem para procurar ajuda, entrar na aula de yoga e encarar a depressão como uma doença (curável). Hoje estou muuuito feliz com o rumo que minha vida está seguindo.

Orgulho e preconceito, Jane Austen.
Quando eu ainda não sabia bem qual era o meu gênero de leitura, esse livro me arrebatou e eu percebi que romances (românticos) podem ser muito mais do que a mesma história água-com-açúcar de sempre, eles também podem mostrar como era uma época que eu nunca vou visitar pelos olhos de alguém que realmente viveu lá. Me apaixonei pelo século XVIII, pelas roupas, danças e cultura da época. Esse ainda é o meu livro preferido e já assisti o filme de 2005 umas quintentas vezes!

Os cinco amigos blogueiros que estão recebendo esse selo são:

Fernanda, do Coisas Minhas.
Celsina, do Uma janela secreta.
Débora , do Leitura nossa de cada dia.
Lia, do Quero morar em uma livraria.
Giu, do Amount of words.
Espero que gostem :)


O segundo selinho tem quatro regras:



1) Escrever uma lista com oito características minhas:

Romântica
Meiga
Amiga leal
Rata de biblioteca, livraria, sebo, barraquinha de livros de esquina...
Apaixonada por animais
Cinéfila assumida
Sonhadora
Um pouco preguiçosa (hehe...)

2) Convidar oito blogueiros para receber o selinho:

Bia, do Livros de Bia.
Mao, do Animao.
Bárbara, do Livros que eu já li.
Vica, do Plain Vica.
Kezia, do Pétalas da minha vida.
Nathália, do Minhas artes.
Monique, do Há tantos livros... mas há tão pouco tempo.
Mariane, do Compartilhando leituras.

3) Comentar no blog de quem te deu o selinho.

4) Comentar nos blogs que vão receber o selinho.


Já o terceiro selinho foi presente da Bárbara do Livros que eu já li.



Ela tem um blog maravilhoso e eu convido todos vocês a visitarem.
O selinho está atrasado (ou adiantado dependendo do ponto de vista...) mas como o Natal é um estado de espírito, vou participar mesmo depois da data.

As regrinhas desse selinho são:

1) Postar o selo (confere).

2) Dizer quem te enviou (confere).

3) Revelar os seus três desejos de Natal:

*Que todos tenham um Natal e um ano novo cheio de magia e canções natalinas :)

*Que as luzinhas de Natal fiquem acesas por bastante tempo nesse ano! Amo enfeites de natal! São maravilhosos.

*Que eu e todos os que estão lendo esse blog mantenham o espírito de Natal vivo durante todo o ano de 2010. Quando as coisas ficarem difíceis lembrem-se das luzes e musiquinhas bonitas e repetitivas. (rs...)

4) Indicar 12 blogs que você goste muito:

Leo, do Upidupi.
Cris, da Incubadora literária.
Vivi, do Romance gracinha.
Lili, do Nossos Romances.
Camilla, do Livros com coração.
Julianna, do Lost in chick-lit.
Lilith, do Lilith.
Nanda, do Todos os livros do mundo.
Tonks, do Romances in Pink.
Karina, do K romances.
La Sorcière, do La Sorcière.
Natália, do Menina da Bahia.

De novo Leo e Bárbara muito obrigada. Espero que tenha feito juz aos selinhos que vocês me deram! E aos amigos e amigas que receberam os selinhos por mim, espero que tenham gostado da brincadeira :)

terça-feira, dezembro 15, 2009

Desafio literário 2010



O Desafio Literário foi uma ótima idéia da Vivi, autora do Romance Gracinha. Deve-se escolher 12 livros, um para cada mês do ano de 2010, mais 12 de reserva. O desafio propriamente dito para mim não será ler os 12 livros no ano que vêm, foi escolher os livros e fazer essa listinha. Que coisa difícil me decidir na escolha desses livros!
Mas eu consegui =D Segue a minha listinha:

JaneiroPara facilitar a vida de todas, leituras rápidas para o primeiro mês do ano. O desafio é ler um Romance de Banca ao estilo da Nova Cultural, Harlequin, entre outros livros vendidos em bancas. Vale qualquer segmento, Clássico Históricos, Momentos Íntimos, Júlia, Sabrina, etc... Tenho certeza que você tem um livro na pilha esperando para ser lido. Portanto não há desculpas.

Aconteceu no Titanic, Loreley McKenzie.

Reserva: Quando A Lua Surgir, Lori Handeland.


Fevereiro
Um livro que nos remeta aos contos de fada. È baba! Nem tudo é inovação. Há muitas histórias baseadas nos contos de fadas. Patinho Feio, A bela e a fera, Cinderela...

Lost Girls: Meninas Crescidas, Allan Moore.
Reserva: Lugar Nenhum, Neil Gaiman.


Março
Um clássico da Literatura universal. Só vale aquele que você nunca leu na vida. Sabe aquela coleção em destaque na estante que está lá só para fazer bonito? È lá que você vai pescar esse.

Shirley, Charlotte Brontë.
Reserva: O Silmarillion, Jr. R. R. Tolkien.


AbrilUm livro de escritor(a)Latino-Americano. Leitura inédita só para lembrar!

Cem anos de solidão, Gabriel García Márquez.
Reserva: Pantaleão e as Visitadoras, Mario Vargas Llosa.


MaioPara aliviar, vai aí um Chick-lit. O mar está para peixe no que diz respeito ao gênero.

Tamanho 44 também não é gorda, Meg Cabot.
Reserva: Lembra de Mim?, Sophie Kinsella.


JunhoUm livro de uma escritora brasileira.

A Caverna de Cristais, Helena Gomes.
Reserva: Estrela Pier, Kamila Denlescki.


JulhoUm livro adaptado para o cinema. O que mais há ultimamente!

A Mulher Do Viajante No Tempo, Audrey Niffenegger.
Reserva: O Guia Mochileiro das Galáxias, Douglas Adams.


AgostoUm romance policial. Vale os autores mais clássicos ou autores do romance “romântico” policial.

Os homens que não Amavam as Mulheres, Stieg Larsson.
Reserva: Êxtase Mortal, Nora Roberts.


SetembroUm romance histórico. Cá entre nós, esse gênero é o queridinho de muitas!

A herança de Ana Bolena, Philippa Gregory.
Reserva: O chá do amor, Jennifer Donelly.


OutubroUm livro que contenha uma lição de vida. Pode ser ficção ou não-ficção. Viu como facilitei?

Para Sempre Alice, Lisa Genova.
Reserva: O clube do Filme- David Gilmour.


NovembroUm livro de escritor(a) de Portugal. Com a aproximação ortográfica porque não uma aproximação literária?

Caim, José Saramago.
Reserva: Sonetos, Florbela Espanca.


Dezembro
Um livro (ficção ou não ficção) que tenha a palavra "Coração" no título.

Coração de tinta, Cornelia Funke.
Reserva: Coração, Natsume Soseki.

terça-feira, dezembro 08, 2009

Dewey, um gato entre livros



Em uma segunda feira de inverno, Vicki Myron estava retirando os livros da caixa de coleta da biblioteca de Spencer (Iowa) e teve uma surpresa que mudou a sua vida. Junto com os livros devolvidos pela comunidade durante o final de semana, se encontrava um gatinho laranja, assustado, sujo e, acima de tudo, congelado pelo frio que fazia dentro da caixa de metal.
Foi assim que nasceu a realação tão especial de Vicky com Dewey.
Aposto que você está perguntando “outro livro sobre bichinhos de estimação?” e você está completamente certo. O diferencial nessa história é que o gatinho Dewey não vira apenas o bichinho de estimação da bibliotecária que o encontrou, mas de toda uma cidade. Ao invés de levá-lo para casa, Vicky decide que ele deve ser adotado pela biblioteca onde trabalha há vários anos. O processo para conseguir que um gato seja adotado por um órgão público não deixa de ser complicado apenas porque essa história se passa fora do Brasil. No entanto, depois de conseguir essa façanha, ela nos conta como foi a relação de Dewey Readmore Books ("Do we read more books?" Nós lemos mais livros?) com uma quantidade inacreditável de moradores que o aceitaram de braços abertos e colos quentinhos.
Ao terminar esse livro, só uma dúvida rondava a minha mente: Porque eu insisto em fazer isso comigo mesma? Não aprendi nada com Marley?
Sinceramente, aconselho esse livro pois é realmente uma bela história, não só de um gatinho, mas do desenvolvimento e superação de toda uma cidade. Mas já vou avisando que não é para os fracos de coração. Só espero que esse livro também não vire um filme aumentando ainda mais o número de livros sobre bichinhos fofos nas livrarias. Amo cachorros, gatos, águias de cabeça careca, mas tudo o que é demais enjoa. Vou dar um bom tempo antes de ler um livro do tipo novamente, pelo menos dos reais. Dragões no entanto estão for a desta regra auto-imposta. :)

Achei esse vídeo, uma espécie de documentário sobre o Dewey, no blog Loucos por gatos. É ótimo! Assistam:



O gato que conquistou uma pequena cidade no interior dos E.U.A e agora vai conquistar você.
A rotina da pacata cidade de Spencer, Yowa, Estados Unidos, se transforma após Dewey, um gato, ser encontrado na Biblioteca Pública. A diretora da Biblioteca, que achou o gatinho na caixa de devolução, resolve contar a história e lança o livro, Dewey, um gato entre livros. O livro escrito por Vicki Myron, com colaboração de Bret Witte é a história real de um gato que fez da biblioteca - e da cidade de Spencer- sua casa e de seus habitantes, os melhores amigos.


Compre Dewey, um gato entre livros no Submarino.